Home > Carnavais > Mestres da Colorado asseguram: “Iremos fazer o melhor desfile de nossa história”.

Mestres da Colorado asseguram: “Iremos fazer o melhor desfile de nossa história”.

A Colorado do Brás ousou e contratou dois mestres para comandar a bateria da agremiação, com a experiência do Mestre Bola junto a juventude do Mestre Allan, a dupla parti para o seu segundo carnaval a frente da Ritmo Responsa.

Anderson Luiz, mais conhecido como Bola, ingressou no carnaval nos anos 80, no Camisa Verde e Branco, junto ao seu pai. Em 1992 começou a desfilar pela Tom Maior, passou pela Pérola Negra e Mocidade Alegre. Em 2003 se tornou diretor, até que em 2010 foi chamado para assumir a bateria da Pérola Negra, permanecendo até 2014. Passou pela X-9, e em 2015 se tornou Mestre da bateria da Colorado do Brás.

“Minha recepção na Colorado foi muito boa, do presidente Ka até os componentes” e acrescenta “Dividir o posto com o Allan é tranquilo, pois já tinhamos trabalhado juntos na X-9. Tudo é resolvido em conjunto”.

Já Allan Meira começou com cinco anos de idade, tocando na bateria da própia Colorado do Brás, após isso passou pelas baterias da Império de Casa Verde, Gaviões da Fiel, Acadêmicos do Tucuruvi, Mancha Verde, etc. Em 2010 se tornou diretor da Tradição Albertinense, 2012 da Tucuruvi e também, em 2014, da X-9 Paulistana. Hoje, Allan parti para o seu segundo carnaval como mestre da Colorado.

“A recepção foi maravilhosa por toda a escola, o fato de eu ter começado e aprendido dentro da escola, me mostrou que tudo isso valeu a pena”. E sobre a divisão, também comenta: “Mestre Bola é muito experiente, com uma índole sensacional, e sabe ouvir todos. O segredo do trabalho em grupo não é a vaidade, e sim trabalhar para o melhor para a Colorado”.

A Ritmo Responsa segue um estilo de andamento seguro, acompanhando o samba com uma levada diferenciada. A batida de caixa é padrão, com alternâncias entre o centro e a borda do instrumento. O desenho de terceira é simples, pouco ousado, mas seguindo a melodia do samba com muito swing. O diferencial da batucada é a ala de xequerês, com uma levada própia da entidade.

Bola afirma: “A nossa levada de xequerê é única em São Paulo, digna do estilo da Colorado”.

Os diretores e ritmistas tem voz ativa dentro da bateria, ambos mestres deixam livre para que todos opinem e dê sugestões sobre bossas e desenhos.

“Depois do samba escolhido damos total liberdade para todos, e assim vamos decidindo o melhor para a bateria. Com alguns ajustes pode ficar com um resultado legal” – disse Allan.

Colorado do Brás será a sétima escola a desfilar no domingo, dia 26 de Fevereiro, com o enredo: “Luz, Câmera, Ação… A Colorado apresenta: a Roliúde no Sertão”.

“Podem esperar uma bateria cantando, vibrando e ajudando a Colorado a voltar ao especial” – declarou Bola.

Allan complementa: “Além da bateria, podem esperar uma escola com muita vontade e com a certeza de que iremos fazer o melhor desfile de nossa história”.

Confira o áudio da Bateria Ritmo Responsa em seu ensaio técnico:

 

Créditos imagens: Líbini Araujo, Felipe Araujo e Eduardo Schwartzberg.

Botequim da SASP