Home > Carnavais > Carnaval 2018 > Ritmo Puro e casal de mestre-sala e porta-bandeira se destacam no segundo ensaio da Mocidade Alegre

Ritmo Puro e casal de mestre-sala e porta-bandeira se destacam no segundo ensaio da Mocidade Alegre

O jeito Mocidade Alegre de fazer carnaval e ensaiar no Anhembi ganhou mais um capítulo nesta sexta-feira, no segundo treino da escola no Sambódromo. Extremamente organizada, a Morada do Samba fez um bom ensaio no Polo Cultural e teve como principais pontos positivos na sua apresentação a bateria Ritmo Puro, de Mestre Sombra, e o primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira, Emerson Ramires e Karina Zamparolli.

VEJA AS FOTOS DO ENSAIO

Os ritmistas comandados por Mestre Sombra levantaram o público presente nas arquibancadas do Anhembi, mostrando entrosamento e bastante ritmo. Com andamento um pouco mais acelerado que no ensaio anterior, a bateria mostrou que está buscando a volta da avaliação só com notas dez por parte dos jurados. Emerson e Karina também deram um show à parte, com um belo bailado e mostrando a sintonia que lhes é habitual durante a dança, utilizando a fantasia do ano passado.

Único ponto que ainda apresentou certa oscilação ao longo do ensaio foi o canto da escola. Os últimos setores apresentaram canto bastante forte e empolgante, porém foi possível observar uma diferença no rendimento do canto, especialmente no segundo e do terceiro setor da escola, ponto que pode ser mais bem explorado até o último ensaio da agremiação, e claro, para o desfile. Mas de acordo com a presidente Solange Cruz, a avaliação de uma semana de diferença entre o primeiro e o segundo ensaio já é bastante positiva.

“Achei o nosso ensaio muito legal e estou muito feliz. Acho que houve uma evolução muito grande, a escola correspondeu de uma sexta para outra, né, para ver o tanto que estamos trabalhando. Valeu a pena a conversa com a galera. À medida que o carnaval vai chegando, as pessoas vão se aproximando e querem curtir o carnaval. Mas eu estou muito satisfeita, graças a Deus”, finalizou a presidente.

Nos ajustes finais, Mocidade já tem data para levar suas alegorias para o Anhembi

Em entrevista à SASP, a presidente Solange ainda revelou que a Morada do Samba faz seus últimos ajustes no barracão. Poucos detalhes para a finalização do projeto, que já tem data para deixar o barracão e chegar nos terrenos do entorno do Anhembi.

“Ainda temos uma coisa ou outra para acertas, mas no próximo sábado a Mocidade já começa a trazer os carros para o Sambódromo, no dia 27. Estou muito agradecida à minha comunidade, que faz a diferença na nossa escola”, comentou a presidente.

Com o enredo A Voz Marrom que não deixa o samba morrer, a Mocidade Alegre vai em busca do décimo primeiro título de sua história e será a terceira escola a desfilar no sábado de carnaval, no Sambódromo do Anhembi. A Morada do Samba ainda realiza mais um ensaio técnico no Anhembi, no dia 27 de janeiro, às 20:30.

Ensaios continuam neste final de semana

Sábado e domingo de muito samba na capital paulistana. Serão 15 escolas ensaiando no Sambódromo do Anhembi no fim de semana, sendo seis agremiações do Grupo Especial, cinco do Acesso e quatro do Acesso 2. A SASP, claro, vai estar presente e levando ao amigo internauta tudo da maratona de ensaios na capital.

Sábado, 20 de janeiro
15:00 – Uirapuru da Mooca (Grupo de Acesso 2)
16:00 – Camisa 12 (Grupo de Acesso 2)
17:00 – Amizade Zona Leste (Grupo de Acesso 2)
18:00 – Leandro de Itaquera (Grupo de Acesso)
19:15 – X-9 Paulistana (Grupo Especial)
20:30 – Tom Maior (Grupo Especial)
21:45 – Unidos do Peruche (Grupo Especial)
23:00 – Mancha Verde (Grupo Especial)
00:15 – Camisa Verde e Branco (Grupo de Acesso)
01:30 – Barroca Zona Sul (Grupo de Acesso)

Domingo, 21 de janeiro
17:00 – Mocidade Unida da Mooca (Grupo de Acesso 2)
18:00 – Colorado do Brás (Grupo de Acesso)
19:15 – Imperador do Ipiranga (Grupo de Acesso)
20:30 – Acadêmicos do Tucuruvi (Grupo Especial)
21:45 – Acadêmicos do Tatuapé (Grupo Especial)

Botequim da SASP