Home > Carnavais > Carnaval 2022 > Carnaval 2022 – “Planejar a retomada com responsabilidade”, diz presidente da Liga

Carnaval 2022 – “Planejar a retomada com responsabilidade”, diz presidente da Liga

Spread the love

A Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo divulgou no início dessa semana um nota sobre o posicionamento da prefeitura de São Paulo, que liberou o planejamento das festas de virada de ano e também do carnaval 2022.

Segundo a nota assinada pelo presidente da entidade, Sidnei Carrioulo, a entidade recebeu com esperança e otimismo a ação da prefeitura e afirma que tudo será planejado com cuidado. “O caminho é planejar a retomada com responsabilidade, nos preparando para quando fevereiro chegar, fazendo a cadeia produtiva do Carnaval andar, gerando empregos nas agremiações e também esperança para os setores de turismo, comércio e alimentação”.

Confira abaixo o texto na íntegra:

Recebemos com esperança e otimismo a notícia de que a Prefeitura de São Paulo planeja liberar as festas de Réveillon para a próxima virada do ano e Carnaval em 2022 na cidade.

Desde o início da pandemia, a Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo, organizadora oficial dos desfiles no sambódromo do Anhembi, foi taxativa em afirmar que só consideraria a realização do evento quando os indicadores de controle da Covid-19 permitissem. Agora, com o avanço da vacinação e queda no número de internações, é possível planejar a festa.

Durante os últimos 17 meses, as escolas de samba de São Paulo cumpriram o seu papel enquanto entidades sociais e intensificaram suas ações solidárias para amenizar os efeitos socioeconômicos da quarentena nas comunidades. As agremiações não são estritamente feitas de samba, festa e fantasia. Como em outros setores da economia, os profissionais que executam os projetos dos desfiles estão aptos a trabalhar, com todas as limitações e cuidados observados nos protocolos anticovid-19, de forma segura e adequada ao momento. Deste modo, quando a pandemia de covid-19 for controlada e a crise contornada, o evento estará pronto.

Por isso, o caminho é planejar a retomada com responsabilidade, nos preparando para quando fevereiro chegar, fazendo a cadeia produtiva do Carnaval andar, gerando empregos nas agremiações e também esperança para os setores de turismo, comércio e alimentação.

O olhar otimista do prefeito Ricardo Nunes para a organização do evento é uma atitude sensata e coerente com sua gestão. Estamos dispostos a fazer de 2022 o maior e melhor Carnaval da história da cidade de São Paulo.

Botequim da SASP