Home > Carnavais > Carnaval 2018 > Dragões da Real confirma as expectativas e mostra credenciais para o título em ensaio de alto nível no Anhembi

Dragões da Real confirma as expectativas e mostra credenciais para o título em ensaio de alto nível no Anhembi

Spread the love

A “Comunidade de Gente Caipira e Feliz” mostrou que o vice-campeonato do ano de 2017 já é passado e serviu como lição para uma união ainda maior para o ano de 2018. O canto da comunidade foi nítido e um dos pontos altos do ensaio técnico da Dragões da Real no Anhembi. A escola foi envolvida por um tapete, apresentando uma coreografia geral durante todo o treino. Com uma evolução compacta, a escola mostrou que a alcunha de comunidade feliz não existe à toa.

A escola manteve o alto nível de evolução e harmonia do primeiro ensaio e contou com uma organização muito positiva para o desenvolvimento das alas durante toda a apresentação. Em exclusividade para a SASP, o diretor de harmonia, Rogério Félix, explicou um pouco de todo o seu trabalho para este carnaval.

“Ano passado o vice-campeonato realmente nos fez bem, porque independente de ter ou não vencido nós deixamos muito claro para toda a escola que nós poderíamos fazer muito mais. E, principalmente, que nós só precisávamos nos organizar para fazer mais”, disse Rogério, que completou. “Quando você tem duas oportunidades, você não dá valor para a primeira e quando você tem três muito menos. Por isso quando se tem só uma chance na vida, se faz muito mais, portanto, a ideia foi essa. Até mesmo, porque eu queria um único ensaio, porém em reunião optamos por dois e deu certo”, comentou.

A comissão de frente dividia suas apresentações na pista e em cima de um elemento cenográfico. No topo deste elemento, a cantora e embaixadora, Roberta Miranda, se fez presente, contagiando o Anhembi. O intérprete Renê Sobral deu um show, acompanhado por sua ala musical, demonstrando afinidade em conduzir mais uma vez o microfone da escola tricolor. “Até o momento eu estou em êxtase. Foi um ensaio maravilhoso e é impressionante como a nossa comunidade está respondendo muito bem as expectativas de toda a nossa diretoria’’, comentou o cantor.

A bateria Ritmo que Incendeia, comandada pelo Mestre Tornado, demonstrou segurança em todas as bossas apresentadas e empolgação nos ritmistas, que além de tocar, cantavam todo o samba com muita alegria. “Foi o melhor ensaio da nossa vida, e eu tenho certeza que o desfile vai ser ainda melhor. As fantasias já estão todas vendidas faz mais de um mês, as alegorias vão vir depois de amanhã, e assim tudo caminha positivamente para o nosso carnaval”, comentou ao fim do ensaio técnico o presidente da agremiação, Renato Remondini.

Com o enredo Minha música, minha raiz: Abram a porteira para essa gente caipira e feliz, a Dragões da Real será a sexta escola a desfilar no sábado de carnaval, no Sambódromo do Anhembi. Vice-campeã em 2017, a escola tricolor vai em busca de seu primeiro título na história do Grupo Especial do carnaval paulistano.

Última semana de ensaios técnicos no Anhembi

Nesta semana, dez escolas integram a última relação de agremiações a ensaiar no Anhembi, visando o carnaval 2018. Serão três escolas do Grupo de Acesso e sete do Especial a pisar no Polo Cultura, e claro, a SASP levará tudo ao amigo internauta.

Quarta-feira, 31 de janeiro

21h00 – Águia de Ouro (Grupo de Acesso)
22h15 – Camisa Verde e Branco (Grupo de Acesso)

Quinta-feira, 1 de fevereiro

19h45 – Leandro de Itaquera (Grupo de Acesso)
21h00 – Gaviões da Fiel (Grupo Especial)
22h15 – Unidos do Peruche (Grupo Especial)
23h30 – X-9 Paulistana (Grupo Especial)

Sexta-feira, 2 de fevereiro

20h00 – Mancha Verde (Grupo Especial)
21h15 – Tom Maior (Grupo Especial)
22h30 – Acadêmicos do Tatuapé (Grupo Especial)
23h45 – Vai-Vai (Grupo Especial)

Por Amanda Cristina

Botequim da SASP