Home > Carnavais > Carnaval 2019 > Klemen fala sobre seu trabalho na bateria Ritmo Forte

Klemen fala sobre seu trabalho na bateria Ritmo Forte

Spread the love

Cria da zona norte de São Paulo, Klemen Gioz vem revolucionando a  bateria Ritmo Forte, da Independente Tricolor, nos últimos três anos. O mestre que já passou pela Uirapuru da Mooca e Morro da Casa Verde, afirma que cada ano é uma superação.

“No nosso primeiro ano nós desfilamos com 150 bpms (Batidas por minuto), já no nosso segundo ano, por conta do samba, nós mudamos para 148 e esse ano também por causa do samba foi alterado para 146, ou seja, é tudo em prol do samba e do andamento da escola”, afirma o mestre.

Klemen que já foi diretor de bateria da Ritmo Puro, da Mocidade Alegre, preserva muito a relação de companheirismo e respeito com os seus atuais diretores na Independente Tricolor. O mestre ainda comenta que na avenida, ele é só um mero ator.

“Eles são meus braços, meus olhos, meus ouvidos. No dia do desfile são eles que fazem tudo no meio, sou apenas uma figura, às vezes até sambo”. Brinca o mestre que não poupa elogios para os seus companheiros de um ano todo.

A Independente realizou a sua estreia no Grupo especial em 2018, mas apesar do belo carnaval apresentado, a escola foi muito prejudicada graças a um problema em um carro alegórico que necessitou de ajuda de uma empilhadeira durante o desfile. O fato custou 1,2 ponto, interrompendo assim a sua permanência no grupo.

O mestre garante que apesar do rebaixamento, o trabalho desenvolvido com a bateria permanece o mesmo, e só precisa ajustar mais alguns detalhes durante os ensaios técnicos, para garantir uma boa apresentação novamente.

“Vamos ajustar uma coisinha ali, outra aqui durante os ensaios, mas o bom trabalho já está sendo executado e com muito ensaio não tem segredo na avenida”, finaliza o mestre.

Em 2019, a Independente Tricolor será a segunda escola a entrar na avenida em 3 de março, pelo grupo de Acesso, com o enredo Pra Sempre Vou te Amar.

Botequim da SASP