Home > Carnavais > Carnaval 2020 > Por discordâncias com a Liga, Mancha Verde anuncia que não irá enviar representantes às reuniões da entidade

Por discordâncias com a Liga, Mancha Verde anuncia que não irá enviar representantes às reuniões da entidade

Spread the love

Atual campeã do carnaval, a Mancha Verde divulgou neste sábado, 26, por meio de suas redes sociais, que não irá enviar representantes da agremiação às reuniões plenárias da Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo. A decisão foi tomada, segundo a nota oficial da agremiação, por discordâncias com a postura da entidade que administra o carnaval paulistano com relação aos contratos de televisão, bilheteria e prefeitura.

A nota oficial da escola alviverde ressalta ainda que a decisão não significa uma desfiliação da Liga-SP. Procurada pela reportagem da SASP, a Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo preferiu não se manifestar sobre a nota oficial da Mancha Verde.

Confira abaixo, na íntegra, a nota divulgada pela Mancha Verde:

NOTA OFICIAL

NÃO ACEITAMOS SER CONDUZIDOS!!

É triste o que vem acontecendo na Liga das Escolas de Samba de SP e mais triste a forma como o carnaval é tratado pela própria entidade que o administra, e a Escola de Samba Mancha Verde não aceita e não concorda com o modelo administrativo que vem sendo adotado.

Antigamente tudo era discutido nas reuniões, inclusive os contratos e todas as Escolas participavam, opinavam e brigavam pelos seus pontos de vista, hoje em dia, só é motivo de discussão nas plenárias assuntos como o critério de julgamento, jurados e coisas referentes ao carnaval na pista. Mas quando o assunto são os contratos com emissora de TV, bilheteria e prefeitura, eles já chegam prontos, sem uma prévia discussão.

Sendo assim, com as coisas decididas de qualquer forma, a Escola de Samba Mancha Verde não mandará mais nenhum representante para as Plenárias e isso não quer dizer que sairemos da Liga ou que queremos algum cargo ou função.

O que queremos é que o carnaval seja tratado com respeito e dignidade.

O carnaval está em um nível que não podemos aceitar certas coisas.

DIRETORIA – ESCOLA DE SAMBA MANCHA VERDE

Botequim da SASP