Home > Carnavais > Carnaval 2022 > Prefeito Ricardo Nunes terá reuniões durante a semana para estabelecer data limite sobre a realização do carnaval

Prefeito Ricardo Nunes terá reuniões durante a semana para estabelecer data limite sobre a realização do carnaval

Spread the love

Por Antonio Júnior
Crédito da foto: Governo do Estado de São Paulo

O prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), deve se reunir nesta quinta-feira com o comitê organizador do Carnaval 2022 na cidade e integrantes da Secretaria Municipal de Saúde para debater uma data limite para anunciar a decisão de liberação ou não do carnaval deste ano. A informação é do portal Metrópoles.

Antes do encontro na quinta, o prefeito deve conversar ainda nesta quarta-feira (5) com representantes da Ambev, patrocinadora do Carnaval na cidade. A empresa pediu ao prefeito para tomar uma decisão o quanto antes.

“Nossa decisão será o que a Vigilância Sanitária municipal orientar. Hoje a Vigilância Sanitária não tem objeção, mas o ideal é ter uma radiografia entre 10 e 15 de janeiro”, disse Nunes à coluna do jornalista Igor Gadelha, do Metrópoles.

Na semana passada, o secretário municipal da Saúde, Edson Aparecido, já havia estabelecido o dia 10 de janeiro como prazo para a Vigilância Sanitária avaliar viabilidade ou não do carnaval. Aparecido afirmou então que é possível que haja diferentes diretrizes em relação aos desfiles das escolas de samba no Sambódromo do Anhembi e ao carnaval de rua da capital paulista. Dependendo da avaliação da Vigilância Sanitária, é possível que apenas um desses eventos seja liberado, com maior possibilidade para os desfiles do Anhembi.

Isso porque o Sambódromo, na Zona Norte da capital, permite o controle de público, diferentemente do carnaval de rua. O local pode adotar para os dias de desfiles, as práticas para o controle da pandemia, como a exigência do passaporte da vacina e a obrigatoriedade do uso de máscaras. Protocolo que, aliás, já deve ser utilizado durante o calendário de ensaios técnicos, previsto para iniciar em 15 de janeiro.

Rio de Janeiro já cancelou a realização do carnaval de rua

Durante esta terça-feira (4), o Rio de Janeiro decidiu cancelar o carnaval de rua na cidade. O prefeito Eduardo Paes (PSD) tomou a decisão após reunião com a produtora cultural Rita Fernandes, presidente da Sebastiana, associação organizadora dos blocos de rua do Rio.

 

Botequim da SASP