Home > Carnavais > Carnaval 2018 > X-9 mostra crescimento em seu último ensaio e bateria Pulsação Nota 1000 se destaca mais uma vez

X-9 mostra crescimento em seu último ensaio e bateria Pulsação Nota 1000 se destaca mais uma vez

Spread the love

Os ensaios técnicos são a maneira que as escolas possuem para ajustar pontos importantes visando o carnaval. E parece que, desses ajustes, a X-9 Paulistana parece ter conseguido utilizar bem o período e mostrou clara evolução com relação aos primeiros ensaios, especialmente bateria e harmonia.

Comandada pelos mestres Kito e Fábio, a Pulsação Nota 1000 conduziu bem a apresentação, com destaque para as afinações e para os breques, especialmente a do trecho final do samba para o refrão. Assim como os ritmistas da Unidos do Peruche, os integrantes da bateria xisnoveana também prestaram homenagem ao jovem ritmista Gustavo Cândido, falecido essa semana, com todos os ritmistas com fitas pretas em sinal de luto. O canto da escola mostrou-se mais constante e colaborou para que o samba tivesse um rendimento bastante satisfatório no treino.

Até o quarto setor, a X-9 fez um trabalho exemplar de evolução. Organizada e compacta, a escola deixou seu componente livre para cair no samba sem a limitação das fileiras. Porém, do período da saída do recuo de bateria até o final do desfile, houve alguns deslizes com relação ao andamento da escola e espaçamento de alas. Porém, estes são deslizes que podem ser facilmente ajeitados até o dia do desfile.

Com o enredo A voz do samba é a voz de Deus. Depois da tempestade, a bonança, a X-9 Paulistana será a primeira escola a desfilar no sábado de carnaval, no Sambódromo do Anhembi. A tricolor da Parada Inglesa está de volta ao Grupo Especial após um ano no Acesso e já conquistou dois títulos da elite, em 1997 e 2000.

Botequim da SASP